quarta-feira, 21 de maio de 2014

Resenha do filme divergente

                     


 No dia 28 de abril (Camila, Kelly e eu) fomos assistir Divergente (como vocês já devem saber), filme que eu já tava louca pra ver e eu vim falar um pouco do filme embora eu só tenha prestado atenção em Quatro *o*


Filme: Divergente
Autor: Neil burger
Lançamento: 17 de abril de 2014
Gênero: Ação, romance, ficção cientifica
Elenco: Shailene Woodley, Theo James, Kate Winslet, Ansel Elgort, Miles Teller, Zoë Kravitz, Jai Courtney, Maggie Q, Ashley Judd, Tony Goldwyn, Mekhi Phifer, Ray Steverson.
Sinopse: Na futurística Chicago, quando a adolescente beatrice completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade é dividida. Elas são cinco, cada uma valoriza uma virtude diferente  como:  generosidade, honestidade, coragem, altruísmo e inteligência. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção diferente da família(abnegação) ,  encolhendo a dos destemido ( audácia) e tendo que abandonar o seu lar. Ela torna-se Tris ao entrar na audácia e tem que enfrentar vários desafios, superando seus medos para se tornar membro da facção. Lá ela conhece Quatro pausa pra o suspiro um rapaz misterioso, mais experiente que ela na facção que consegue intriga-la e encanta-la ao mesmo tempo.



As facções:
Abnegação: valorizar o altruísmo acima de tudo. Os membros da abnegação rejeitão uma vida de vaidades e qualquer ato de egoísmo. Sua qualidade moral incorruptível torna a única facção capaz de governar a cidade. Porem isso desperta a ira de algumas facções que os consideram fracos e submissos.
Audácia: Tem o dever de proteger a cidade. É dedicada a bravura, coragem e destemor. Enfatizam a ideia de liberdade, por muitas vezes desafiando a morte.
Amizade: dedicado a paz, bondade, neutralidade e generosidade. Formada por aqueles que culpam a guerra e a luta por falhas da natureza humana. Atuam na produção de alimentos para todas as outras facções.
Erudição: valoriza a inteligência e a sabedoria sobre qualquer outra virtude. Culpam a ignorância humana por toda e qualquer falha da sociedade. Os membros concentram sua vida na busca por conhecimento. Devido à sede de conhecimento, eles adquiriram o desejo de poder.

Franqueza: acreditam que a verdade é unidimensional e em preto e branco. Foi formada por aqueles que culparam a duplicidade e engano para as falhas da natureza humana. Há uma certa rivalidade com os membros da amizade, pois acreditam que “ aqueles que buscam a paz irão sempre enganar para manter a água calma”.

Sem facção: são pessoas que não conseguem completar a iniciação na facção que escolheram. E acabam vivendo na pobreza, fazendo o trabalho que ninguém quer fazer. Eles são porteiros, trabalhadores da construção e coletores de lixo; eles fazem tecidos e operam trens e ônibus. Em troca de seu trabalho conseguem comida e roupa, porém não o suficiente.
Divergente: pessoa que apresenta inclinações para mais de uma facção.


 No inicio do filme a protagonista Beatrice Prior ( Shailene Woodley) explica resumidamente o funcionamento da distópica Chicago  em que ela vive, citando as 5 facções existentes e mostrando o modo de atuação de cada uma na sociedade. A comparação entre divergente e outras franquias juvenis é inevitável, ambos tem a mesma linha de raciocínio (uma mocinha que conhece um cara muito gato, no final eles tem que lutar contra o sistema governante..) e o mesmo publico alvo.


  Muita gente reclamou do filme, enfatizando o fato dele não ser muito rico em detalhes, a falta de alguns personagens que viriam a ser importante nas próximas adaptações ( insurgente e convergente), o motivo do suicídio do “amigo” de tris  que não foi muito bem explorado, o Peter que passou quase despercebido ( dizem q ele tinha a função de provocar odio nos telespectadores), entre outros. Porem há quem diga que muitos detalhes que não foram tratados no primeiro filme será bem explorado no segundo. Aí fica a duvida de quem está certo, só lendo o livro pra ver né. Mas minha opnião é a seguinte,  gostei muito do filme, poderia explicar mais coisas? Claro que podia, mas mesmo com pouca explicação deu pra entender, o mais importante é que não é um filme cansativo, muito pelo contrario, é super interessante, fora que o elenco é maravilhoso principalmente os boys 
 Bom gente essa é minha opnião sobre o filme Divergente, espero que você tenham gostado, foi minha primeira resenha/critica não sou expert (acho que deu pra notar né) então não me apedrejem. Deixe o seu comentário sobre o que você achou da adaptação, se gostaram ou não, se faltou alguma coisa, o que era pra ter acrescentado... Comenta aí ;)
                                            

by.: Karina Nascimento
*Desculpem a demora pra postar essa resenha espero que tenham gostado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Template by BloggerCandy.com | Header Image by Freepik